Alentejo: CDU afirma-se como “uma grande força autárquica” da região

Alentejo: CDU afirma-se como “uma grande força autárquica” da região

Like
72
Quarta-feira, 11 Outubro 2017
Alentejo

A Direção Regional do Alentejo (DRA) do PCP afirma que, sem prejuízo de recuos e perdas nas eleições autárquicas de 01 de outubro, a CDU afirma-se como “uma grande força autárquica” na região.

Em comunicado enviado à DianaFM, os comunistas destacam que conseguiram “77.389 votos para as câmaras municipais, cerca de 900 eleitos nos diversos órgãos autárquicos de freguesia e municipais e a presidência de 14 municípios e 81 freguesias na região”.

O fortalecimento da CDU “é vantajoso para a população e para os trabalhadores dos municípios e freguesias”, assinala a DRA do PCP, referindo que “a perda de cinco presidências de câmaras municipais (Alandroal, Barrancos, Beja, Castro Verde e Moura), não deixará de constituir uma perda para as populações, os trabalhadores, para o serviço público, a cultura e o poder local democrático”.

O PCP diz que a campanha para as autárquicas “ficou marcada por um quadro de hostilização, de mentira e de desvalorização da obra e trabalho da CDU” e acusam o PS “de utilização do aparelho de Estado” , com destaque para “a deslocação de ministros e secretários de Estado”.

O PS, segundo a DRA do PCP, ocultou posicionamentos contrários aos interesses da região e da sua população, dando como exemplo o voto contra dos socialista a reposição de freguesias proposto pelo PCP na Assembleia da República.

No comunicado, os comunistas realçam ainda que o PSD e CDS-PP pretenderam na campanha “ocultar o seu passado recente de empobrecimento dos trabalhadores e do povo, de destruição dos serviços públicos e do poder local democrático”.

Comments are closed.