Adro de igreja em Évora foi desocupado

Adro de igreja em Évora foi desocupado

Quarta-feira, 18 Maio 2022
Alentejo

O adro da Ermida de Nossa Senhora da Cabeça, na rua Mendo Estevens, em Évora, foi desocupado esta terça-feira pelas autoridades.

O espaço tinha sido ocupado, há cerca de dois anos, por um cidadão, que ali se instalou e passou a viver.

Esta quarta-feira, a União das Freguesias de Évora agradeceu “a todas as entidades envolvidas neste processo” pelo resultado alcançado.

Segundo a união de freguesias, o cidadão foi acompanhado pelas autoridades competentes, que lhe disponibilizaram várias opções de alojamento, alimentação, higiene e vestuário.

“O cidadão recusou linearmente as ofertas de alojamento e resistiu sempre à saída do adro da ermida”, realçou.

A União de Freguesias de Évora revelou ter sido informada de que este cidadão tinha, durante este tempo, “uma casa alugada onde não quer pernoitar”.

Construída no século XVII ou XVIII, a Ermida de Nossa Senhora da Cabeça é propriedade da Igreja Católica.

Foto: União de Freguesias de Évora

Comments are closed.

Social Media Auto Publish Powered By : XYZScripts.com