Alentejo: Ensino profissional procurado para concluir o secundário

Alentejo: Ensino profissional procurado para concluir o secundário

Quinta-feira, 14 Setembro 2017
Alentejo

O ensino profissional em Portugal é destacado pela OCDE como forma de aumentar o número de graduados no ensino secundário. Uma realidade partilhada no Alentejo, disse à DianaFm o  Delegado Regional do Alentejo do Instituto do Emprego e Formação Profissional” uma vez que essa formação profissional é de dupla certificação, isso permite que as pessoas possam aprender uma profissão e ao mesmo tempo podem progredir no ponto de vista da escolaridade, concluindo o 12º ano”. Arnaldo Frade sublinha que este tipo de formação não retira qualquer possibilidade de progressão de estudos universitários. Outro dos factores, cada vez mais valorizado, diz respeito ao contacto com o mundo do trabalho., conseguido com este tipo de formação.

Neste momento existem 19.500 desempregados no Alentejo. Arnaldo Frade refere que é muito significativo o número de pessoas nesta condição que não têm o 12º ano. Outros dados permitem perceber também que quanto menor é  a escolaridade maior é o tempo de permanência em situação de desemprego.

Apesar das melhorias verificadas, mais de 30% dos alunos não termina o ensino secundário em Portugal.

Comments are closed.

Social Media Auto Publish Powered By : XYZScripts.com