Avis: Seguro quer “solução” do Governo para transporte de doentes

Avis: Seguro quer “solução” do Governo para transporte de doentes

Quarta-feira, 29 Fevereiro 2012
Alentejo
O líder do PS alertou hoje para uma “eventual desgraça” relativamente ao transporte de doentes. António José Seguro reclamou uma “solução” do Governo para que “nenhum português fique privado de chegar com vida a uma unidade de Saúde”.
“Estamos nas vésperas de uma eventual desgraça que possa existir no que diz respeito ao transporte de doentes”, avisou o secretário-geral do PS, durante uma visita ao quartel da corporação de bombeiros de Avis, no distrito de Portalegre.
António José Seguro visita hoje vários concelhos daquele distrito alentejano, no âmbito do seu “Roteiro em Defesa do Interior”.
Na deslocação a Avis, que deu o “pontapé de saída” para este dia na região de Portalegre, Seguro aproveitou para chamar a atenção para as dificuldades financeiras de várias corporações de bombeiros, devido aos cortes no transporte de doentes.
“Já há muito tempo que os bombeiros de Avis transportam doentes gratuitamente”, realçou, explicando que as pessoas, que têm “poucos recursos financeiros”, vêm do médico sem que lhes seja passada a respetiva credencial.
“É altura de o governo, de uma vez por todas, encontrar uma solução para que nenhum português fique privado de chegar com vida a uma unidade de Saúde”, exigiu.
Segundo o secretário-geral do PS, o Governo deve “perceber, de uma vez por todas, que tem que ouvir as populações, tem que ouvir os bombeiros e tem que encontrar uma solução que não ponha em causa a vida das pessoas”.
“Com a saúde das pessoas não se brinca”, frisou, argumentando ainda que, “no interior de Portugal, os portugueses são duplamente penalizados com esta situação”.

Deixe um comentário

Social Media Auto Publish Powered By : XYZScripts.com