Bastonário dos Médicos dá “boas-vindas” aos novos internos em Évora

Bastonário dos Médicos dá “boas-vindas” aos novos internos em Évora

Quinta-feira, 24 Janeiro 2019
Alentejo

O bastonário da Ordem dos Médicos deu a “boas-vindas” aos novos internos que vão completar a sua formação em Évora com uma palavra de incentivo para que fiquem na região.

À margem da cerimónia, realizada num hotel da cidade, Miguel Guimarães afirmou à DianaFM que a permanência dos jovens médicos em Évora será “um desafio” para eles e para os serviços de saúde.

“É muito importante para a região que uma parte significativa dos médicos que aqui se formam, para não dizer todos, possam ficar cá a trabalhar, mas, para isso, é preciso que abram vagas, existiam lugares, que quem trabalha com eles os saiba acarinhar e eu penso que isso nas regiões mais periféricas acontece”, disse.

O bastonário referiu que os médicos que chegaram agora “são necessários aos serviços de saúde do distrito”, apontando da “melhoria das condições de trabalho”.

O Hospital de Évora “não é uma boa estrutura física, basta pensar que está dividido ao meio por uma estrada nacional”, considerou, referindo que “alguns serviços até estão com boa apresentação mas há outros que não estão.

Miguel Guimarães realçou que “uma boa estrutura física” e a existências de equipamentos “capta a atenção” dos médicos.
Segundo a Ordem dos médicos, o distrito de Évora vai receber 52 internos, de um total de 4.014 em todo o país.

Comments are closed.

Social Media Auto Publish Powered By : XYZScripts.com