Borba: Gestão da Câmara fica em minoria

Borba: Gestão da Câmara fica em minoria

Segunda-feira, 27 Junho 2016
Alentejo

A gestão da Câmara de Borba vai cumprir o último ano de mandato em minoria.

Está desfeito o acordo pós-eleitoral entre a CDU e o Movimento Unidos por Borba (MUB) que ganhou o município, em 2013.

O vereador da CDU Joaquim Serra revela que vai devolver, esta semana, os pelouros e renunciar ao meio tempo, por considerar que existiu por parte do presidente “alguma usurpação de poderes”.

“Em assuntos das minhas áreas, ele vinha e fazia de maneira diferente, outros nem chegavam a mim e tratava ele diretamente”, justifica.

Por sua vez, o presidente da Câmara de Borba, António Anselmo, diz respeitar a decisão, mas afirma que nunca passou por cima de ninguém.

O autarca assinala que um vereador a meio tempo, como é o caso de Joaquim Serra, “tem sempre o inconveniente de não estar tão disponível”.

A Câmara de Borba é presidida por António Anselmo, eleito pelo MUB.

O executivo camarário é composto por dois eleitos do MUB, um da CDU, um do PS e outro do PSD.

Joaquim Serra tem a seu cargo, desde maio de 2014, os pelouros do desporto e tempos livres, educação e juventude, turismo, desenvolvimento económico e defesa do consumidor, património, cultura e ciência e associativismo.

Deixe um comentário

Social Media Auto Publish Powered By : XYZScripts.com