Câmaras do Alentejo Central sem dados da covid-19 há uma semana

Câmaras do Alentejo Central sem dados da covid-19 há uma semana

Quinta-feira, 19 Novembro 2020
Alentejo

As câmaras municipais do Alentejo Central estão, há cerca de uma semana, sem dados atualizados sobre os casos de covid-19 nos respetivos concelhos.

O presidente da Comunidade Intermunicipal do Alentejo Central (CIMAC) e da Câmara de Évora, Carlos Pinto de Sá, diz que a ausência de dados está a causar “preocupações e dificuldades”, nomeadamente “na preparação do trabalho, planeamento e resposta aos casos”.

Por outro lado, o autarca alertou que “a população quando não conhece os dados” da pandemia nos seus concelhos “começa a pensar que pode haver uma situação mais grave do que aquela que realmente existe e, naturalmente, põe em causa credibilidade” da informação.

“Não tenho informação do que é que pode estar a causar a falta de dados. Há zona do Alentejo em que os municípios continuam a receber dados mas aqui não. Admito que possam existir problemas ou alterações no sistema de dados”, sublinhou.

Segundo o presidente da CIMAC, o Governo e as entidades competentes já foram alertados para o descontentemente dos autarcas e para a “necessidade de serem facultados dados atualizados” da pandemia.

No caso de Évora, indicou Pinto de Sá, a câmara municipal está “há sete dias, desde o dia 12”, sem dados da Saúde Pública.

O município de Viana do Alentejo, presidido pelo socialista Bernardino Bengalinha Pinto, informou hoje que não tem divulgado os dados referentes ao concelho porque “não os tem recebido das entidades oficiais, desde o dia 14”.

Já o de Estremoz, liderado por Francisco Ramos, eleito por um movimento independente, indicou na quarta-feira que não tem dados atualizados sobre o concelho desde o dia 12.

Comments are closed.

Social Media Auto Publish Powered By : XYZScripts.com