Crise: Cortes nas baixas e nos subsídio de maternidade chegam aos 15 por cento

Crise: Cortes nas baixas e nos subsídio de maternidade chegam aos 15 por cento

Quinta-feira, 28 Junho 2012
Nacional
O Governo alterou a fórmula de cálculo dos subsídios de maternidade, definindo que o apuramento do total de remunerações de uma mãe deixa de contar com os subsídios de férias e de Natal.
Segundo a edição de hoje do Diário de Notícias, estas alterações entram em vigor a partir de 01 de julho, depois de ontem ter sido publicado em Diário da República o diploma com as novas regras.
O jornal adianta que muitos dos subsídios de maternidade levarão a um corte de 14 por cento, uma vez que os subsídios de férias e de Natal deixam de contar para o bolo.
Mas há mais cortes. O valor mensal de uma baixa com duração de entre 60 e 90 dias passa a valer 60 por cento do salário bruto, uma baixa de 30 dias ou menos passa para 55 por cento.
No primeiro caso, o corte é de 8 por cento, no segundo, ultrapassa os 15 por cento.

Deixe um comentário

Social Media Auto Publish Powered By : XYZScripts.com