Direção regional faz proposta para classificação urgente de património

Direção regional faz proposta para classificação urgente de património

Segunda-feira, 26 Outubro 2020
Alentejo

A diretora regional de Cultura do Alentejo, Ana Paula Amendoeira, formalizou oficialmente uma proposta para a classificação urgente e excecional de todo o conjunto do património megalítico da região.

Segundo a direção regional de Cultura do Alentejo, a proposta foi apresentada “no seguimento de várias destruições de património arqueológico, em particular megalítico, em consequência do modelo de agricultura superintensiva que está a ser implementado desde há vários anos no Alentejo, de forma totalmente desregulada no que respeita a valores culturais”.

Ana Paula Amendoeira dirigiu a proposta de classificação à Direção-geral do Património Cultural e ao Conselho Nacional de Cultura – Secção do Património Arquitetónico e Arqueológico.

“A proposta, sustentada no trabalho de especialistas, é composta por um dossier de classificação com cerca de 2.000 páginas e contempla mais de 1.600 monumentos (alguns já classificados)”, sublinha a direção regional.

“A aprovação desta proposta com o consequente despacho de abertura de procedimento de classificação contribuirá para dissuadir futuras destruições e para que o Estado assuma o seu papel na defesa do interesse público no que ao património megalítico diz respeito”, acrescenta o organismo.

Comments are closed.

Social Media Auto Publish Powered By : XYZScripts.com