Estremoz: Deputado do PCP denuncia falta de materiais médicos no centro de saúde

Estremoz: Deputado do PCP denuncia falta de materiais médicos no centro de saúde

Quinta-feira, 26 Janeiro 2012
Alentejo

O deputado do PCP João Oliveira denunciou a falta de materiais de consumo clínico, como medicamentos e luvas, no centro de saúde de Estremoz.
O parlamentar comunista diz ter recebido dois relatos que confirmam “uma situação de carência de meios essenciais”, que põem em causa “a prestação dos devidos cuidados de saúde às populações”.
Num dos casos, explicou, “uma senhora, com uma indisposição gástrica, foi encaminhada para o Hospital de Évora porque no Serviço de Urgência Básica de Estremoz não havia soro disponível, nem um simples medicamento para tratar a indigestão”.
Existe “um outro relato em que uma higienista oral admitiu a um utente que as luvas que estava a utilizar tinha-as comprado ela própria e trazido de casa, porque não havia aquele material no centro de saúde de Estremoz”, acrescentou João Oliveira.
O presidente da Administração Regional de Saúde  do Alentejo, José Robalo, admitiu terem existido “casos pontuais” de falta de materiais médicos no centro de saúde de Estremoz, mas garantiu que “o problema está resolvido”.
“Temos conhecimento de casos pontuais que se relacionaram, particularmente, com o processo de aquisição de material” de consumo clínico, justificou o responsável, indicando que se registou um “atraso no processo de concurso e o problema não se conseguiu resolver de uma forma rápida”.

Deixe uma resposta

Social Media Auto Publish Powered By : XYZScripts.com