1509 – Drogas ao Volante

Crónica GARE
Terça-feira, 10 Dezembro 2019
1509 – Drogas ao Volante
  • Na Estrada em Segurança

 

A RTP revelava ontem que a presença de drogas no sangue vai ter limites máximos, tal como acontece com o álcool.
Em média, uma em cada dez pessoas que perderam a vida nas estradas acusavam substâncias ilícitas.
A percentagem de mortes por drogas no organismo quase que duplicou nos últimos dez anos, 12% no ano passado contra 6,7% em 2010.
O Governo já nomeou um grupo de trabalho e prepara mudanças para penalizar infratores.
Os últimos dados da Autoridade Nacional de Segurança Rodoviária, avançados pelo jornal Público, revelam também que um terço dos condutores que morreram revelaram álcool acima dos valores legais.
Já no Fórum “Noites Saudáveis das Cidades do Centro” ocorrido em Abril em Tomar, Rui Ribeiro, Presidente da Autoridade Nacional de Segurança Rodoviária, revelava que os jovens, com idades entre os 21 e os 29 anos são o escalão etário mais problemático na condução rodoviária sob efeito de álcool.
Segundo Rui Ribeiro, em Portugal regista-se ainda assim uma diminuição no número de vítimas com álcool acima do permitido, mas em sentido contrário, sobe o número de condutores falecidos sob efeito de substâncias psicotrópicas.
“Entre 2004 e 2018, a percentagem de condutores falecidos com álcool acima do permitido baixou de 40% para 30%, enquanto nos últimos 10 anos aumentou de 6% para 12% a percentagem de condutores falecidos que estavam sob efeito de substâncias psicotrópicas”, frisou

Até amanhã, e se conduzir não beba.

Social Media Auto Publish Powered By : XYZScripts.com