A passagem

Quarta-feira, 13 Abril 2022
A passagem

Páscoa significa em latim, passagem. A passagem para a libertação. A pandemia e a guerra na Ucrânia provocaram no mundo ocidental desafios que, muito, dificilmente, se encontrará uma “páscoa”, uma solução a contento de todos.

Note-se, com feito, que a segunda guerra mundial terminou há mais de sete décadas e daí para cá o mundo ocidental viveu, praticamente, em harmonia, tendo o crescimento do produto por cabeça aumentado muito significativamente. O bem-estar chegou a muitas famílias e muitas outras saíram da pobreza em que sempre viveram.

Contudo, os fenómenos como o da estagflação, crescimento económico muito débil e o aumento dos preços muito acentuado, só poderá significar no curto e no médio prazo perda do poder de compra para muitas famílias. Esta realidade é consensual dentro dos mais avisados, por isso, na minha opinião, só os incautos ou os aldrabões a podem negar.

Pelo que a atual conjuntura política, social e económica tem responsáveis e esses seguramente são os líderes políticos que na última década presidiram aos destinos dos países do mundo ocidental. Por que não quiseram ou não souberam antecipar os problemas. A dependência energética que terá permitido a algumas autocracias tornaram-se potentados bélicos. Outras por via das importações do mundo ocidental.

Por isso, estas lideranças talvez não tivessem aprendido com a sabedoria popular: “o barato sai caro”, pensando num só aspeto, o do lucro fácil, criando um mundo muito perigoso para se viver. Portanto, não sei irão a tempo de remediar, mas sei quem irá pagar tudo isto: o “mexilhão”.

Social Media Auto Publish Powered By : XYZScripts.com