A tormenta pode não passar

Crónica de Opinião
Segunda-feira, 13 Fevereiro 2023
A tormenta pode não passar
  • Caldeirinha Roma

 

Inevitável é começar por lamentar a tragedia que se abateu sobre a Turquia e a Síria que, pelo menos, serve para nos fazer pensar na nossa pequenez e que nos reorienta para os valores da
solidariedade e humanidade tão esquecidos no actual mundo da globalização e do egocentrismo em que cada vez mais somos influenciados a viver. Por cá tudo na mesma.
O PCP e o BE ordenaram, às suas estruturas de combate, leia-se sindicatos e centrais sindicais, a organização da revolta nas ruas através da organização das manifestações a que temos
assistido nos últimos dias com a reivindicação das mais variadas aspirações, nomeadamente, e essencialmente, salariais. Estava previsto. Depois da experiência da geringonça, em que o PS se
viu obrigado a dar algumas “benesses” para se manter na governação, algumas das quais de consequências bem gravosas e penalizadoras para o desenvolvimento do País, o resultado é
este. Lembra-me um dos nossos ditados: “casa onde não há pão todos ralham e ninguém tem razão”. Os agricultores sentem-se desamparados com a falta de apoio duma Ministra que, não fazendo
ideia que gerir um sector como este não é o mesmo que gerir uma Câmara Municipal, não foi sequer capaz de se rodear de quem a soubesse aconselhar. Um desastre.
O Ministro da Educação e a Ministra do Ensino Superior não se entendem quanto ao modelo de avaliação para entrada no ensino superior, o que põe a nu a falta de estratégia e planeamento
para definição do modelo a aplicar a uma área tão vital como esta, que trata, nada mais nada menos, que da formação dos futuros quadros do nosso País. Incompreensível.
Os responsáveis do IAPMEI (Instituto de Apoio às Pequenas e Medias Empresas) e da ANI (Agência Nacional para a Inovação) bateram com a porta e com estrondo, isto é, pediram a
demissão, não por motivos pessoais, como costuma ser politicamente correcto evocar, mas dizendo, com todas as letras, que não tinham qualquer apoio ou orientação funcional dos
respectivos Ministros. Lamentável.
E o Governo continua acantonado a aguardar que passe a tormenta, com receio que o céu lhe possa cair em cima. Mas a tormenta pode não passar

Social Media Auto Publish Powered By : XYZScripts.com