Casas para Morar

Crónica de Opinião
Segunda-feira, 03 Abril 2023
Casas para Morar
  • Bruno Martins

 

 

Uma luta que nos une saiu à rua no sábado.

Quando todo o salário é curto para pagar uma casa, quando milhares nem uma casa conseguem encontrar, quando um dos direitos mais fundamentais em qualquer democracia: o de ter uma casa para morar, é constantemente atacado e ignorado, a luta tem mesmo de sair à rua e nela continuar.

A escolha é simples: defender este direito constitucional fundamental ou continuar a defender o lobby imobiliário e a especulação.

Infelizmente, e como em tantos outros casos, a escolha não tem sido em defender a maioria, aquela que constrói o país com a força do seu trabalho.

E assim seguimos, de pacote em pacote, sem qualquer sinal claro de aposta na habitação pública a preços controlados. Estamos longe do resto do Europa, e assim parece que quem nos governa quer continuar.

Sábado o povo saiu à rua porque está desesperado, e porque não se conforma com a inação. Não é admissível que perante um problema central, o Governo insista na aposta em benefícios fiscais para quem mais tem e em continuar a mobilizar dinheiros públicos para ajudas que não travam a subida do preço das rendas de casa.

Continuará a ser impossível comprar. Continuará a ser impossível arrendar. E, enquanto isso, os que se aproveitam de benefícios fiscais para fomentar segmentos de luxo e para estimular a especulação passeiam alegremente no nosso país.

As casas não podem continuar a ser um ativo financeiro para os muito ricos e para os fundos financeiros. As casas no nosso país têm mesmo de ser para quem vive do seu trabalho.

Investir num parque habitacional público, travar a especulação, controlar as rendas e suspender os despejos durante este período de crise social é urgente! Se o Governo não ouve quem está na rua, na rua persistiremos.

Ser possível pagar uma casa com o salário é o mínimo que se exige num país que se quer minimamente decente.

Até para a semana!

Social Media Auto Publish Powered By : XYZScripts.com