O inicio de um novo ciclo mundial

Crónica de Opinião
Sexta-feira, 20 Janeiro 2017
O inicio de um novo ciclo mundial
  • Rui Mendes

 

 

Trump toma hoje posse como o novo presidente da EUA.

Inicia-se hoje um novo ciclo.

Uma nova fase das relações dos Estados Unidos com o mundo. Um novo período de imprevisibilidade financeira.

O mundo está, de alguma forma, em estado de espera para ver no que vai resultar esta presidência.

É o resultado das atitudes do novo presidente e dos novos possíveis alinhamentos. Esses sim são elementos mais perturbadores.

E se a nova presidência dos EUA trás alguma preocupação aos líderes europeus e mundiais, a fase que se inicia do Brexit não deixa de ser menos preocupante.

Não só porque a UE perde território e um dos seus fortes membros, mas também pelo impacto que a saída poderá gerar em outros membros.

O estranho, ou não, é Teresa May declarar que não quer ter acesso ao mercado único, mas admitir pretender uma parceria estratégica que permita ao Reino Unido aceder ao mercado único.

O mesmo país que quis sair da UE pretende manter o acesso ao mercado único.

É que a UE é projecto que integra várias vertentes. É um projecto que corporiza uma vertente económica, mas também outras de natureza distinta, seja a social, a ambiental, a política, ou outras.

É um projecto de compromissos. E é por isso mesmo que importa que os países que integram a UE assumam posições de compromissos. Todos têm de cumprir esse papel, é essa a forma da UE funcionar.

E aqui se inclui o problema da imigração, Diz respeito a todos. Todos terão de contribuir para a sua resolução. E não é pelo facto da Reino Unido sair da UE que deixa de ter de confrontar este problema. Os fluxos migratórios são hoje, mais de que nunca, um problema global, pelo que há que encará-lo e não fechar a porta para fugir dele.

Mas nada haverá a dizer, quer a eleição de Trump, quer o Brexit, resultam duma vontade popular. E por isso assumem uma legitimidade acrescida.

Mas não se pense que estes acontecimentos não vão influenciar as novas vidas. Certamente que irão. Os seus efeitos, num mundo globalizado, chegarão até casa de cada um de nós.

Até para a semana

Rui Mendes

Social Media Auto Publish Powered By : XYZScripts.com