Vinte cinco de Abril

Nota à la Minuta
Segunda-feira, 25 Abril 2022
Vinte cinco de Abril
  • Alberto Magalhães

Ontem, a Europa respirou aliviada. Macron foi reeleito com quase 58% e Marine Le Pen não chegou aos 43%. Durante cinco anos o problema será adiado. Mas será resolvido? Tudo parece indicar que não. Depois de Macron, o dilúvio parece provável. Aguardemos as próximas eleições legislativas, que nos dirão se o centro político francês ainda existe para além de Macron.

Hoje, para celebrar o 25 de Abril, 48 anos depois, resolvi ler um excerto de um poema* de Fernando Pessoa, sobre o Estado Novo, que durou 48 anos. Diz assim:

Sim, é o Estado Novo, e o povo

Ouviu, leu e assentiu.

Sim, isto é um estado novo,

Pois é um estado de coisas

Que nunca antes se viu.

Em tudo paira a alegria,

E, de tão íntima que é,

Como Deus na teologia

Ela existe em toda a parte

E em parte alguma se vê

…………..

* Mensagem e outros poemas sobre Portugal, p. 145. Ed. Assírio & Alvim

Social Media Auto Publish Powered By : XYZScripts.com