Évora: Call center despede cerca uma dezena trabalhadores

Évora: Call center despede cerca uma dezena trabalhadores

Terça-feira, 28 Fevereiro 2012
Alentejo
O call center de Évora do grupo Reditus despediu, na semana passada, cerca de uma dezena trabalhadores, denunciou hoje Jorge Martins, do Sindicato Nacional dos Profissionais de Seguros e Afins (SINAPSA).
Mas uma fonte do grupo Reditus adiantou que foi proposto a sete trabalhadores “uma mudança de funções”, porque houve “necessidade de aumentar o número de pessoas na área do atendimento telefónico”.
“Dois funcionários aceitaram e cinco avançaram com a rescisão por mútuo acordo”, sendo que outros três colaboradores, que estavam em regime de contrato, saíram, porque “a empresa decidiu não avançar com renovação de contrato”, precisou a fonte.
A fonte da Reditus adiantou ainda que o grupo “não tem previsto avançar com mais rescisões” no centro de serviços de Évora.
“Na passada semana, a empresa chegou junto dos trabalhadores e, verbalmente, disse-lhes que estavam despedidos”, contou Jorge Martins.
O sindicalista disse que estão “confirmados os despedimentos de cerca de 10 trabalhadores”, mas adiantou que a empresa pode ir mais longe, já que informou, verbalmente, os funcionários que o processo pode envolver “entre de 80 a 90 pessoas”.
O centro de serviços de Évora da Reditus, que emprega cerca de 450 trabalhadores, presta serviços, em regime de outsourcing e em exclusivo, para a Fidelidade Mundial, Império Bonança e outras seguradoras do Grupo Caixa Geral de Depósitos.

Deixe um comentário

Social Media Auto Publish Powered By : XYZScripts.com