Évora: Calor sem aumento de urgências ou mortalidade

Évora: Calor sem aumento de urgências ou mortalidade

Terça-feira, 26 Julho 2016
Alentejo

As altas temperaturas dos últimos dias não estão a ter reflexo no aumento de entradas nas urgências dos hospitais ou da mortalidade atribuída ao calor.

“Dos dados que dispomos, os valores estão na linha com os anos anteriores”, afirma à DianaFM Margarida Mollet, gestora do Plano de Contingência para Temperaturas Extremas.

Contudo, a responsável salienta que é necessário “tomar precauções”, indicando que “o risco está sempre inerente, especialmente quando esta onde de calor se mantém”.

A Direção-Geral da Saúde recomenda que mantenha o corpo hidratado, fresco e protegido do calor, utilize protetor solar com fator igual ou superior a 30, mantenha a casa fresca e fique atento e proteja-se se tiver algum problema de saúde.

Segundo o Instituto Português do Mar e da Atmosfera, a partir de hoje, as temperaturas vão começar a descer.

Deixe uma resposta

Social Media Auto Publish Powered By : XYZScripts.com