Évora: Câmara afasta agentes do Garcia de Resende acusa o PCP

Évora: Câmara afasta agentes do Garcia de Resende acusa o PCP

Sexta-feira, 27 Julho 2012
Alentejo

O PCP de Évora diz que o municipio está a afastar os agentes culturais do Teatro Garcia de Resende.

Em causa estão os pagamentos que são feitos ao Cendrev, entidade que cede pessoal e equipamento sempre que o teatro é utilizado.

Isentas de taxas, as entidades sem fins lucrativos não pagavam esta utilização. Os custos eram suportados pela autarquia.

Neste momento, segundo os comunistas, as entidades que querem utilizar o Teatro são confrontadas com a necessidade de pagar os serviços,

o que já terá levado à desistência de algumas produções.

Os problemas dos agentes culturais da cidade continuam a agravar-se, diz o PCP.

António Gavela, da Comissão Concelhia de Évora, afirma que muitos agentes vão fechar portas no próximo ano.

Declarações proferidas durante a conferência de imprensa que decorreu na sede do PCP em Évora.

Deixe um comentário

Social Media Auto Publish Powered By : XYZScripts.com