Évora: Combate aos incêndios envolve 191 operacionais, 52 veículos e um helicóptero

Évora: Combate aos incêndios envolve 191 operacionais, 52 veículos e um helicóptero

Quarta-feira, 02 Maio 2012
Alentejo
O combate aos incêndios florestais no distrito de Évora envolve este ano durante o período de maior risco, a fase Charlie, entre 01 de julho e 30 de setembro, um total de 191 operacionais, apoiados por 52 veículos e um helicóptero ligeiro.
O comandante distrital de Évora de Operações de Socorro, José Ribeiro, adiantou que houve um aumento de efetivos em relação ao ano passado.
“Aumentámos os efetivos em relação ao ano passado, com uma Equipa de Intervenção Permanente e uma Equipa Logística de Apoio ao Combate”, referiu o responsável, indicando que, à semelhança do ano passado, o helicóptero fica instalado no aeródromo de Évora.
Com o helicóptero sediado em Évora, no ano passado, disse, registaram-se “bons resultados operacionais”, com um “aumento do número de ocorrências com intervenção do meio aéreo, passando de 29 para 36 por cento, e uma diminuição do intervalo de tempo entre as descargas de água”.
Quanto às áreas críticas no combate aos incêndios florestais no distrito de Évora, os bombeiros vão estar mais atentos às as serras d’Ossa, Valverde e Monfurado e toda a zona de Portel, incluindo a Serra do Mendro.
Para a fase Bravo, de 15 de maio a 30 de junho, estão disponíveis no distrito 167 bombeiros e 46 viaturas e na fase Delta, de 01 a 15 de outubro, 109 operacionais e 34 veículos, indicou José Ribeiro.

Deixe um comentário

Social Media Auto Publish Powered By : XYZScripts.com