Évora: Financiamento em atraso dependente de detalhes técnicos diz Reitora da Universidade

Évora: Financiamento em atraso dependente de detalhes técnicos diz Reitora da Universidade

Quarta-feira, 10 Janeiro 2018
Alentejo

Foi em Évora que se ficou a saber que o pagamento da dotação orçamental adicional relativa a 2017 para as Universidades está dependente de detalhes técnicos relativamente a valores. O Ministro da Ciência, Manuel Heitor disse, esta tarde, no Palácio de D. Manuel que “o governo cumpre todos os acordos que fez em termos políticos. Estão em discussão meramente questões técnicas, de valores, mas essa questão deve ser respondida pelos reitores”.

E a Reitora da Universidade de Évora respondeu e confirmou que “são detalhes técnicos que estão a ser discutidos”. “Da parte do Sr. minitro e do Sr. Primeiro-Ministro sempre foi dito que [os acordo] seria cumprido. Claro que não foi cumprido até ao final de 2017, é um facto”. Diz Ana Costa Freitas que “iniciaram-se agora estas conversas e agora são detalhes técnicos co o Ministério das Finanças e não com o Ministério da Ciência”. A reitora confia numa solução para breve até porque ” o orçamento do ano anterior tem de ser fechado”.

A reitora da Universidade respondia assim às perguntas dos jornalistas, ao início da tarde, em Évora, após a apresentação da nova Plataforma Portuguesa da Infraestrutura Europeia para as Ciências do Património.

Comments are closed.

Social Media Auto Publish Powered By : XYZScripts.com