Évora: Protesto contra lay-off de 30 trabalhadores da Kemet Electronics

Évora: Protesto contra lay-off de 30 trabalhadores da Kemet Electronics

Sexta-feira, 16 Dezembro 2011
Alentejo

Mais de 70 pessoas protestaram ontem contra o lay-off aplicado a 30 dos 350 trabalhadores da fábrica de Évora da multinacional Kemet Electronics.
Paulo Ribeiro, do Sindicato das Indústrias Eléctricas do Sul e Ilhas (SIESI), acusa a empresa de “perseguir” a organização sindical representativa dos trabalhadores e de “manipular os números” da produção.
“Querem fazer este lay-off baseado em estimativas de produção, quando todos os indicadores que temos são para o aumento de produção. Ainda nos dias 01 e 08 de dezembro, estes trabalhadores estiveram a fazer trabalho suplementar, já depois de, no dia 30 de novembro, terem suspendido 30 dos seus colegas”, exemplificou.
A administração da Kemet Electronics escusou-se a tecer quaisquer comentários.

Deixe um comentário

Social Media Auto Publish Powered By : XYZScripts.com