Évora: Sindicato de Professores entrega reclamações contra corte do subsídio de Natal

Évora: Sindicato de Professores entrega reclamações contra corte do subsídio de Natal

Sexta-feira, 16 Dezembro 2011
Alentejo
Professores, educadores e investigadores entregam hoje no Serviço de Finanças de Évora reclamações contra o corte de metade do subsídio de Natal.
O Sindicato de Professores da Zona Sul pretende que o ato de retenção na fonte de parte do subsídio de natal seja declarado nulo ou anulado e restituído o montante.
“Consideramos que este corte é ilegal e é com base nesta presunção que vamos apresentar esta reclamação”, afirmou à DianaFm Joaquim Páscoa, presidente do SPZS.
O mesmo responsável adiantou que as reclamações são apresentadas nas finanças porque “é através deste serviço que é feito o desconto no IRS”
Para além de Évora, as reclamações vão seguir também para os serviços de finanças de Beja, Portalegre e Faro.

Deixe um comentário

Social Media Auto Publish Powered By : XYZScripts.com