Évora: Vice-presidente do município afastada da lista da CDU

Évora: Vice-presidente do município afastada da lista da CDU

Quarta-feira, 26 Julho 2017
Alentejo

A grande ausência na lista da CDU à Câmara de Évora e na cerimónia de apresentação dos candidatos autárquicos foi a atual vice-presidente do município, Élia Mira.

“Não houve qualquer zanga e não há crítica ao trabalho da vice-presidente, entendemos apenas que há outros amigos e camaradas que têm em melhores condições para dar continuidade ao trabalho da CDU no próximo mandato”, afirmou o presidente da câmara e candidato.

Questionado pela DianaFM, Carlos Pinto de Sá realçou que o afastamento de Élia Mira não está relacionado com a cedência de habitação social do município, através da Habévora, a um familiar da atual vice-presidente do município.

“Todos os candidatos a fogos sociais não têm o nome identificado nas fichas. São identificados através de número, não se sabe quem são as pessoas. Portanto, essa questão foi suficientemente esclarecida, não dúvida nenhuma sobre o papel da doutora Élia Mira a esse nível e estamos convencidos que o processo foi transparente”, disse.

Pinto de Sá acrescentou: “É claro que, como um dos familiares da doutora Élia Mira teve acesso a casa social, fala-se nisso, mas teve acesso porque tinha direito e nenhum cidadão pode ser penalizado por ser familiar de alguém que está no município, desde que reúna as condições que são previamente definidas para que isso aconteça”.

Antes de assumir a vice-presidência da Câmara de Évora, após as autárquicas de 2013, Élia Mira foi presidente da Junta de Freguesia do Bacelo durante um mandato, também eleita pela CDU.

Foto: Câmara de Évora

Comments are closed.

Social Media Auto Publish Powered By : XYZScripts.com