Hospital de Évora começa a prestar assistência no domicílio dos doentes

Hospital de Évora começa a prestar assistência no domicílio dos doentes

Terça-feira, 15 Dezembro 2020
Alentejo

O Hospital do Espírito Santo de Évora (HESE) já começou a prestar assistência no domicílio do doente por profissionais de saúde da unidade hospitalar.

A Unidade de Hospitalização Domiciliária Polivalente (UHDP) do HESE, que iniciou ontem a sua atividade, é constituída por três médicos especialistas, cinco enfermeiros, uma assistente social, um farmacêutico e uma assistente técnica.

Segundo o HESE, a nova unidade tem capacidade para seis camas no domicílio.

Os doentes poderão ser referenciados a partir do Serviço de Urgência, dos Serviços de Internamento ou do Hospital de Dia.

Este modelo, sublinhou o HESE, “apresenta grandes vantagens, nomeadamente tratamento hospitalar com maior conforto e bem-estar para o doente, que se mantém no domicílio com acompanhamento dos profissionais de saúde do hospital, promoção da autonomia dos doentes e maior envolvimento dos familiares”.

“Pode permitir também um menor tempo de internamento e a diminuição das infeções em ambiente hospitalar”, acrescentou.

Ireneia Lino, responsável pela UHDP do hospital de Évora, explica que “os doentes que cumpram os critérios clínicos, sociais e geográficos para admissão pela unidade, nomeadamente um cuidador reconhecido como idóneo e condições de habitabilidade do domicílio poderão ter hospitalização domiciliária”.

Para já, a unidade destina-se a doentes sem patologia covid-19 e contempla os doentes com domicílio na zona de Évora, cidade e arredores.

Comments are closed.

Social Media Auto Publish Powered By : XYZScripts.com