Jovens de Évora também protestaram em defesa do planeta

Jovens de Évora também protestaram em defesa do planeta

Sexta-feira, 15 Março 2019
Alentejo

Centenas de jovens de Évora manifestaram-se hoje em defesa do planeta, num protesto integrado na iniciativa internacional Greve Climática Estudantil.

Os jovens, a maioria estudantes das escolas da cidade, concentraram-se na Praça do Giraldo e, depois, desfilaram pelas principais ruas da cidade.

Na Praça do Giraldo, os participantes gritaram palavras de ordem.

“Ó senhor ministro explique por favor porque é que no inverno faz calor”, foi uma das frase mais entoadas.

Ao mesmo tempo, empunhavam cartazes com mensagem como “não há planeta B”, “- CO2 + futuro”.

Linda Assunção, de 16 anos, que tinha um cartaz onde se podia ler “se o planeta fosse um banco, já estaria salvo”, afirmou estar a participar na iniciativa por estar preocupada com “as alterações climáticas”.

“O Governo devia já ter feito alguma coisa e não fez”, considerou, exigindo também medidas a favor do planeta “não só cá, mas também no mundo inteiro”.

A jovem estudante referiu que “os adultos, principalmente, não fazem anda” pelo ambiente e que têm ser os mais novos a fazer, porque são os que “daqui a 30 anos” estão a viver no planeta.

Também Ricardo Caia, de 21 anos, aluno da Universidade de Évora, se juntou ao protesto, por entender que “mais do nunca é preciso uma haver uma grande adesão pela causa ambientalista”, num momento em que “o aquecimento global tem-se intensificado cada vez mais”.

“É bastante importante o facto de haver uma maior consciencialização dos mais jovens sobre esta causa e acredito que a mensagem vai passar, tanto para as elites governamentais como para as pessoas com mais idade”, acrescentou.

Foto: Natália Melo

Comments are closed.

Social Media Auto Publish Powered By : XYZScripts.com