Mário Soares considera caso Relvas “impensável” e “inaceitável”

Mário Soares considera caso Relvas “impensável” e “inaceitável”

Quarta-feira, 18 Julho 2012
Nacional
“Impensável” e “inaceitável para qualquer pessoa de bem”.
É assim que o antigo Presidente da República Mário Soares comenta o caso da licenciatura do ministro Miguel Relvas.
“Eu não sei classificar [o caso] porque uma coisa para mim é uma coisa impensável, tirar um curso sem lá ir e ainda por cima depois vangloriar-se não é possível, para mim não era possível”, declarou.
“Então um cidadão diz-se licenciado por uma universidade e depois verifica-se que não foi lá. Bem, é uma coisa inaceitável para qualquer pessoa de bem”, acrescentou.
Mário Soares falava aos jornalistas ontem à noite no final de uma palestra na Ordem dos Médicos.

Deixe um comentário

Social Media Auto Publish Powered By : XYZScripts.com