Marisa Matias quer medidas para hospitais do interior fixarem profissionais

Marisa Matias quer medidas para hospitais do interior fixarem profissionais

Terça-feira, 15 Dezembro 2020
Alentejo

A candidata presidencial Marisa Matias defendeu medidas diferenciadas para os hospitais do interior do país, como o de Évora, fixarem profissionais de saúde.

Em Évora, onde esteve reunida com a administração do hospital e com médicos pediatras da unidade hospitalar, afirmou que os problemas do Serviço Nacional de Saúde (SNS) tornaram-se “mais visíveis” com a pandemia de covid-19.

“É preciso salvar o SNS, evitando situações como as que encontramos tantas vezes de profissionais completamente esgotados e trazendo mais recursos, mais autonomia, mais incentivos para que possamos fixar profissionais e garantir-lhes condições e carreira dignas”, referiu.

Marisa Matias disse que as “insuficiências do SNS não são de agora, já são antigas e muitas delas são quase estruturais”, mas frisou que “a pandemia tornou tudo mais visível”.

“Se a pandemia não afeta toda a gente da mesma forma, também não afeta todos os territórios da mesma forma. Um hospital em Évora não tem os mesmos problemas que tem um hospital em Lisboa e isso obriga-nos a dar uma resposta que permita também que os profissionais se possam fixar em todos os territórios”, notou.

A candidata presidencial propôs então a criação de incentivos específicos para os profissionais e mais autonomia para as administrações, entre outras medidas.

Depois de reuniões no hospital, a candidata apoiada pelo Bloco de Esquerda encontrou-se com o Núcleo Feminista de Évora.

Foto: Esquerda.net

Comments are closed.

Social Media Auto Publish Powered By : XYZScripts.com