Militares reforçam vigilância contra incêndios no Alentejo

Militares reforçam vigilância contra incêndios no Alentejo

Domingo, 25 Agosto 2019
Alentejo

Militares das forças armadas reforçaram as patrulhas de vigilância terrestre em apoio à Autoridade Nacional de Emergência e Proteção Civil.
Os sitritos de Évora, Beja e Portalegre estão entre os que merecem maior incidência desta ações, segundo o Estado Maior General das Forças Armadas.
Este reforço surge no seguimento do pedido de apoio da ANEPC ao Estado-Maior-General das Forças Armadas, face à previsão de subida das temperaturas para os próximos dias, com o objetivo de incrementar as ações de prevenção um pouco por todo o país,
Em caso de necessidade estas patrulhas poderão ser empenhadas em ações de pós rescaldo ou de apoio geral às operações de proteção e socorro que possam vir a ser desencadeadas.
Ao todo são 78 militares, distribuídos em 26 patrulhas do Exército e da Marinha que estão no terreno por período indeterminado em 14 distritos de Portugal Continental, entre eles Braga, Coimbra, Faro, Castelo Branco, Guarda, Viseu, Lisboa, Santarém, Setúbal, Vila Real e Leiria, a que se somam os três distrito do Alentejo.

Comments are closed.