Arquivado inquérito à morte de militar paraquedista em Beja

Arquivado inquérito à morte de militar paraquedista em Beja

Terça-feira, 14 Janeiro 2020
Alentejo

O Ministério Público (MP) arquivou o inquérito à morte de um militar paraquedista, no dia 27 de setembro de 2019, na Base Aérea n.º 11, em Beja.

Segundo divulgou hoje MP de Beja, o despacho de arquivamento do inquérito foi proferido no dia 08 de Janeiro de 2020.

“Não se apuraram indícios de matéria criminal punível por lei. Não se apurou que, na origem do sinistro, tenha existido intervenção de terceiros – dolosa ou negligente – nomeadamente na preparação e acondicionamento do equipamento usado pelo militar falecido”, adianta o Ministério Público.

O militar paraquedista, de 34 anos, morreu quando participava no exercício multinacional Real Thaw 2019.

Na altura, em comunicado, o Exército explicou que, “durante a execução de um salto de queda livre operacional, o sistema de paraquedas não funcionou devidamente, tendo resultado na queda do militar dentro do perímetro da Base Aérea N.º 11”.

Foto: Exército

Comments are closed.