Montemor-o-Novo: Funcionário da Câmara detido por alegado desvio de 300 mil euros

Montemor-o-Novo: Funcionário da Câmara detido por alegado desvio de 300 mil euros

Quarta-feira, 01 Junho 2016
Alentejo

A Polícia Judiciária (PJ) deteve ontem um funcionário da Câmara de Montemor-o-Novo por suspeitas de ter desviado um valor que poderá ultrapassar os 300 mil euros.

A PJ anuncia em comunicado a detenção de um funcionário municipal mas não especifica de que autarquia se trata, mas várias fontes confirmaram à DianaFM que o detido é um funcionário da Câmara de Montemor-o-Novo.

Durante as investigações, segundo a PJ, foram recolhidos elementos que apontam no sentido de o funcionário se ter “apropriado de verbas de elevado montante”, às quais teve acesso devido às suas funções e cujo valor “poderá ultrapassar os 300 mil euros”.

No comunicado, refere ainda que foram apreendidas duas viaturas e material relacionado com a alegada prática do crime, indicando que o suspeito vai ser sujeito a primeiro interrogatório judicial.

O caso foi divulgado, no início de maio, pela presidente do município de Montemor-o-Novo, Hortênsia Menino (CDU), como a DianaFM informou.

Deixe um comentário

Social Media Auto Publish Powered By : XYZScripts.com