Novo hotel no Paço de Valverde envolve 4 milhões de investimento

Novo hotel no Paço de Valverde envolve 4 milhões de investimento

Sexta-feira, 16 Outubro 2020
Alentejo

O hotel que vai “nascer” na Quinta do Paço de Valverde, em Évora, vai ter quatro estrelas e envolver um investimento de quatro milhões de euros.

O imóvel foi concessionado, por um período de 50 anos, pela Universidade de Évora à empresa Sabir Investimentos, no âmbito do Programa REVIVE.

A estimativa de investimento foi feita pela secretária de Estado do Turismo, Rita Marques, no final da assinatura do contrato de concessão.

Segundo a governante, a empresa vai ficar com uma “renda de 22 mil euros por ano”, que vai “reverter para o proprietário”, a Universidade de Évora (UÉ).

O conjunto patrimonial da Quinta do Paço de Valverde, com construção do início do século XVI e classificado como imóvel de interesse público, está integrado no Polo da Mitra, situado a alguns quilómetros de Évora.

Sadik Sabir Ali, da SABIR Investimentos, indicou que o futuro hotel será “quatro estrelas superior”, mas escusou-se a revelar detalhes sobre o investimento e os prazos previstos.

“Estamos a fazer um plano de investimento. Ainda não tínhamos tido acesso a todas as documentações que necessitávamos, pois só após esta data é que as vamos ter e não tenho números para adiantar, mas vamos requalificar o espaço”, disse.

Já a reitora da UÉ, Ana Costa Freitas, assinalou que “o objetivo não era tanto o que a universidade podia lucrar” com o negócio, mas sim “como é que se conseguia manter este edificado”, porque a academia “não conseguiríamos nunca”.

Comments are closed.

Social Media Auto Publish Powered By : XYZScripts.com