PCP quer compromisso político em torno do novo hospital de Évora

PCP quer compromisso político em torno do novo hospital de Évora

Quarta-feira, 03 Julho 2019
Alentejo

O PCP vai exigir um compromisso político em torno da concretização do novo Hospital Central do Alentejo, a construir em Évora.

A exigência será feita através de um projeto de resolução, anunciou, em conferência de imprensa, o líder parlamentar do PCP e deputado eleito por Évora, João Oliveira.

“Queremos arrancar de todas as forças políticas um compromisso para que o processo não seja travado, para que depois do concurso a obra seja adjudicada e para que não sofra mais adiamentos para lá daqueles que já sofreu”, afirmou.

Segundo o parlamentar comunista, a data do lançamento do concurso público para a construção da nova unidade hospitalar “é ainda incerta”, mas “já é certo que a adjudicação da obra vai ficar para próxima legislatura”.

Por isso, sublinhou, o PCP quer “assegurar as condições para que, independentemente daquele que venha a ser o próximo governo, este processo não seja novamente interrompido”.

Há cerca de 15 dias, o secretário de Estado Adjunto e da Saúde, Francisco Ramos, disse no Parlamento que o concurso público para a construção do novo Hospital Central do Alentejo, em Évora, deveria ser lançado em julho.

Na altura, indicou também que o Ministério da Saúde estava “a preparar a resolução do Conselho de Ministro para autorizar a despesa”.

Comments are closed.

Social Media Auto Publish Powered By : XYZScripts.com