Pensões: Marcelo Rebelo de Sousa admite que Cavaco teve momento infeliz

Pensões: Marcelo Rebelo de Sousa admite que Cavaco teve momento infeliz

Segunda-feira, 23 Janeiro 2012
Nacional

Marcelo Rebelo de Sousa reconhece que o Presidente da República foi infeliz nas declarações sobre as pensões.
O comentador da TVI e conselheiro de Estado diz que Cavaco Silva “queria dizer implicitamente: Até eu – privilegiado, coisa que não disse e achou que esteva subentendido – tenho de cortar”.
“Só que como ficou subentendido e não ficou explícito acabou por levar pancada em várias redes sociais. Há dias em que uma pessoa realmente não é feliz. Já me aconteceu várias vezes”, concluiu Marcelo Rebelo de Sousa.
O Presidente da República, Cavaco Silva, disse, na semana passada, que aquilo que vai receber como reforma “quase de certeza que não vai chegar para pagar” as suas despesas, valendo-lhe as poupanças que fez, com a mulher, ao longo da vida.
Na altura, Cavaco Silva, que não aufere vencimento como Presidente da República, referiu ainda que irá receber 1.300 euros por mês da Caixa Geral de Aposentações e um montante que disse desconhecer do Fundo de Pensões do Banco de Portugal.

Deixe uma resposta

Social Media Auto Publish Powered By : XYZScripts.com