Pó de Vir a Ser lança chamada para residência artística em Évora

Pó de Vir a Ser lança chamada para residência artística em Évora

Sábado, 13 Junho 2020
Alentejo

A associação Pó de Vir a Ser, dedicada à produção artística em pedra, lançou uma chamada para acolher um artista, em residência, no antigo Matadouro de Évora, no âmbito do projeto “Oficinas do Possível”.

A residência artística, cujas candidaturas estão abertas até 15 de julho, terá a duração de 10 dias e terá de se realizar até ao final de setembro.

São admitidas propostas em várias áreas, como escultura, design, instalação, performance, entre outras.

“Espera-se que as propostas apresentadas considerem criticamente o lugar desta matéria prima na arte e na cultura e que valorizem a utilização criativa e artística da pedra e dos seus resíduos”, realçou a associação Pó de Vir a Ser.

Foto: Carolina Lecoq

Comments are closed.

Social Media Auto Publish Powered By : XYZScripts.com