Portalegre: Dois militares da GNR condenados a oito e sete anos de prisão

Portalegre: Dois militares da GNR condenados a oito e sete anos de prisão

Quinta-feira, 13 Julho 2017
Alentejo

O Tribunal de Portalegre condenou hoje 17 dos 18 arguidos do processo de corrupção que envolve quatro militares da GNR.

O principal arguido, um tenente-coronel da GNR, foi condenado a oito anos de prisão efetiva e um cabo a sete anos.

Outros dois militares da GNR e 13 civis foram condenados a penas suspensas, tendo um civil sido absolvido.

Os 18 arguidos estavam acusados pelo Ministério Público de corrupção, recebimento indevido de vantagem, abuso de poder e fraude fiscal.

Comments are closed.

Social Media Auto Publish Powered By : XYZScripts.com