Santiago do Cacém: População contesta novos horários dos comboios e supressão do serviço regional

Santiago do Cacém: População contesta novos horários dos comboios e supressão do serviço regional

Segunda-feira, 12 Dezembro 2011
Alentejo
Cerca de 200 pessoas concentraram-se esta manhã na estação ferroviária de Alvalade do Sado, em Santiago do Cacém.
A iniciativa serviu para protestar contra os novos horários dos comboios intercidades e a supressão do serviço regional na linha do Sul.
O presidente da junta de Freguesia de Alvalade do Sado, Rui Madeira, explicou que os comboios regionais “tinham horários que permitiam às pessoas irem a Faro, a Setúbal ou a Lisboa, e voltar no mesmo dia”.
Além dos horários, autarcas e população também não se conformam com o encerramento de quase uma dezena de estações ferroviárias na região.
Este protesto antecede um outro que está marcado para as 17:00, junto à estação ferroviária de Alcácer do Sal, cidade que também ficou privada do serviço regional e da passagem dos comboios intercidades.

Deixe uma resposta

Social Media Auto Publish Powered By : XYZScripts.com