Seca: Agricultores do Baixo Alentejo querem linha de crédito

Seca: Agricultores do Baixo Alentejo querem linha de crédito

Sábado, 11 Fevereiro 2012
Alentejo

A Federação das Associações de Agricultores do Baixo Alentejo (FAABA) pediu ontem ao Governo para “verificar” os efeitos da seca nos campos da região e tomar medidas, como a criação de uma linha de crédito para os agricultores.

O presidente da FAABA, Castro e Brito falava em Beja, numa reunião que juntou cerca de 100 agricultores do Baixo Alentejo para analisar a situação de seca que afeta a região e definir formas de atuação contra o eventual desvio de verbas comunitárias afetas ao Alqueva e a “indefinição” à volta da conclusão do projeto.

No final da reunião, questionado pelos jornalistas sobre que “atitudes” espera do Governo, Castro e Brito referiu que o Executivo, para minimizar os eventuais efeitos da seca, podia criar uma linha de crédito para os agricultores e antecipar o pagamento de ajudas relativas a este ano.

Deixe um comentário

Social Media Auto Publish Powered By : XYZScripts.com