Sindicato denuncia falta de 27 professores nas escolas de Évora

Sindicato denuncia falta de 27 professores nas escolas de Évora

Sexta-feira, 06 Novembro 2020
Alentejo

Faltam 27 professores nas escolas do distrito de Évora. A denúncia é feita pelo Sindicato dos Professores da Zona Sul (SPZS).

Em comunicado, esta estrutura sindical manifestou preocupação com a falta de docentes nas escolas do Alentejo e do Algarve.

“Os dados obtidos são bastante preocupantes, pois, após cinco semanas decorridas desde o início do ano letivo, há necessidade de, pelo menos, 235 docentes na área sindical do SPZS”, indica o sindicato.

Segundo o SPZS, os números sobre a falta de professores nas escolas das regiões alentejana e algarvia foram apurados na sequência de um questionário sobre os horários em falta junto dos agrupamentos.

“Há 41 docentes em falta no distrito de Portalegre, 27 no distrito de Évora, 48 no distrito de Beja e 119 no distrito de Faro”, precisou o sindicato, assinalando que ainda não obteve resposta da totalidade dos agrupamentos de escolas.

O SPZS frisou que a falta de professores “atravessa todos os ciclos de ensino”, com “muito mais relevante no 3.º ciclo e secundário”.

Comments are closed.

Social Media Auto Publish Powered By : XYZScripts.com