Videomapping dá luz, cor e som ao Claustro do Colégio do Espírito Santo da UÉ

Videomapping dá luz, cor e som ao Claustro do Colégio do Espírito Santo da UÉ

Quarta-feira, 15 Maio 2024
Alentejo

Um jogo de luzes, cores e sons vai invadir a fachada do Claustro do Colégio do Espírito Santo da Universidade de Évora,esta quarta-feira, pelas 22h00.

Mário Silva Marques, responsável pela produção musical e docente da Universidade de Évora, revelou à DianaFM, o que está por detrás deste espetáculo de Videomapping, Música e Teatro, Cinco séculos, 50 anos: uma evocação da Universidade de Évora.

O espetáculo vai evocar momentos-chave da história da Universidade de Évora, num ano em que se comemoram os 50 anos da refundação dessa instituição enquanto Instituto Universitário de Évora, bem como os 45 anos da reactivação da designação Universidade de Évora.

Este evento, com uma duração de 35 a 40 minutos, resulta do desenvolvimento de um projecto transdisciplinar, envolvendo diversas áreas científicas da academia, como História, Património, Arquitetura, Artes visuais e Design, Música, Teatro, Multimédia, contando com o envolvimento de cerca de 80 estudantes e 20 professores.

Vai também realizar-se um concerto do Coro Mateus d’Aranda, sob a direcção do Maestro convidado Paulo Lourenço.

O espetáculo integra-se no programa comemorativo destas efemérides, bem como nas comemorações do 15º aniversário da Escola de Artes da referida Universidade e no Projecto Viver e Re-Viver Évora, financiado pela Direcção-Geral do Ensino Superior em 2023.

 A produção é da Universidade de Évora e da Olho de Boi. A entrada é livre e aberta a todo o público.

Fotografia: Universidade de Évora

Comments are closed.

Social Media Auto Publish Powered By : XYZScripts.com